“A boca fala do que está cheio o coração… nos ensina a Sagrada Escritura. Ouvir o que a boca fala para chegar ao que o coração sente… é o que busca fazer a psicanálise. Nesta compreensão pode morar o sentido do amor: é ter o outro dentro da gente, sentir compaixão, sentir por ele e com ele…”

Eterna gratidão é o que sinto transbordar em meu coração…
Que alegria ser Rede Divino Zelo de Educação, ser FDZ e, sentir pulsar forte o coração quando, “bebendo na mesma fonte”, refletimos o agir Pedagógico inspirado em nosso Fundador Santo Aníbal Maria e somos capazes de resplandecer a mesma essência, vivendo a restauração, nesta Missão-Arte de formar o Ser Humano, para melhor responder ao nosso Chamado-Vocação!
Depois da riquíssima experiência e privilégio de participar dos três Simpósios de nossa Rede, entre outros momentos de Encontro e Formação, é fantástico ver a construção e este tecer em tantas áreas, que melhor expressam nossa linguagem e identidade Difranciana.
Sou feliz e grata às Irmãs pela acolhida e tanto carinho, ao Padre Lédio por fazer brilhar ainda mais intensamente, a chama de Amor pelo Rogate e pela nossa Missão Redize e, a cada Educador, Educadora que partilhou com tanto entusiasmo, um pouquinho do tanto que realizam todos os dias! Foi tudo muito lindoooooo!
“Saber existe na cabeça, é ter conhecimento da técnica. Como funciona, como acontece? Sabor acontece na língua, é quando a gente degusta… Precisamos aprender a arte de degustar a Vida” (Rubem Alves).

Com o desejo de “transbordar ainda mais”, sempre agradecida…

Solymar Morais.

ccr-III-simposio-outubro (1) ccr-III-simposio-outubro

Compartilhe:

Missão Vocacional no Maranhão-MA

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

Aconteceu na Comunidade São Francisco de Assis, Paróquia Nossa Senhora de Fátima – em Altamira no Maranhão.
No dia 22 de Outubro de 2018, as Irmãs: Bernadete, Cecilia e Edna viajaram para Altamira no Maranhão, a fim de participar de uma Semana Vocacional a convite dos Padres Rogacionistas que residem na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Vitorino Freire.
Fomos acolhidas na tarde o dia 22, pelo Sr. Antônio, coordenador da Comunidade São Francisco de Assis, na cidade de Altamira, Maranhão.
No dia 23 de outubro visitamos a Comunidade São Francisco das Chagas povoado de Marmorana e celebramos com os fieis a santa missa às 19h.
Continuando nossa missão, no dia 24, visitamos a Escola e famílias da Comunidade São Francisco de Assis, o povoado Olho d’água do Escondido e ás 11h participamos da celebração da Santa Missa. Após um delicioso almoço visitamos as famílias da Comunidade São Raimundo e às 17h nos encontramos com alguns jovens. Encerramos o nosso dia com a celebração Eucarística participada também por vários desses jovens.
No dia 25, fomos enviados em missão à Comunidade Santa Terezinha, no povoado de Aldeia onde realizamos visitas nas famílias e na Escola. Às 14h nos reunimos para uma tarde de encontro com os jovens daquela localidade que nos surpreendeu pela participação. As 19h, encerramos o dia participando da celebração Eucarística.
A semana continuou abençoada, pois conosco participam desta missão Padre Adriano, RCJ, a missionária Rogacionista Maria de Fátima, conhecida como Mercês e o Sr. Antônio.
No dia 26, fomos convidados a visitar as famílias e a Escola da Comunidade São José, no povoado Caldeirão e à tarde nos reunimos com os jovens e finalizando o dia com a celebração da santa missa.
No dia 27, visitamos os doentes da Comunidade São Francisco em Altamira, realizamos missãozinha com as crianças e às 18h, nos reunimos com alguns jovens da cidade de Altamira do Maranhão.
Na manhã seguinte, participamos da santa missa concluindo assim nossa semana vocacional missionária. Agradecemos a Deus pela possibilidade de conhecer este amado povo de Deus, por tudo que lá vivenciamos: pela acolhida dos Padres RCJ, pelas lideranças da Comunidade São Francisco de Assis, da cidade de Altamira, Maranhão. Especial agradecimento à família de Ir. Cecília, que nos acolheu na cidade de Teresina. Continuamos a pedir ao Senhor da Messe que envie bons operários para sua Messe, pois a Messe é grande e operários são poucos.

Ir. Edna

maranhao-missao-outubro (1) maranhao-missao-outubro (2) maranhao-missao-outubro (3) maranhao-missao-outubro (4) maranhao-missao-outubro (5) maranhao-missao-outubro (6) maranhao-missao-outubro (7)

Compartilhe:

Passeio do ano na Piscina

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

No dia 5 de outubro, as crianças da Obra Social São Judas Tadeu, tiveram a oportunidade de fazer um passeio em uma chácara. Juntamente com a Ir. Helena Francisca, as Tias Adriana, Fabiane, Teresa, o professor de Capoeira Carlos Alexandre, as Aspirantes Juliana e Daniela. Foi um dia gratificante que tivemos, com várias brincadeiras, passeio no lago, comes e bebes e um delicioso banho de piscina. Agradecemos a Deus por todos(as) que colaboraram para que presenciássemos este momento. Ver o sorriso de cada criança nos enche de alegria. Como diz Santo Aníbal: “Amo as minhas crianças! Elas são para mim o mais Belo ideal de minha vida”.

Aspirantes: Juliana Figueira e Daniela Lourenço

lajinha-psicina-outubro (1) lajinha-psicina-outubro (1) lajinha-psicina-outubro (5) lajinha-psicina-outubro (6) lajinha-psicina-outubro (7)

Compartilhe:

DNJ em LAJINHA

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

No dia 15 de outubro realizou-se em Lajinha o DNJ (Dia Nacional da juventude). Estavam presentes vários grupos de jovens da Forania que é composta por 7 paróquias, que são apoiadas e acompanhadas pelos Padres: Wagner Augusto Soares Ferreira, Eder Matheus dos Santos, Dione e Maurílio, das quais fazem parte as Aspirantes fdz: Juliana Figueira e Daniela Lourenço.

O evento iniciou-se com a acolhida feita pela Pastoral da Juventude. Dando continuidade ao encontro foi apresentado um teatro cujo tema tratava da violência. Após uma breve partilha, seguiu com a apresentação cultural da Comunidade da Prata, e apresentações encenada pelo grupo jovem de Conceição de Ipanema. Foi um dia muito proveitoso para cada jovem que se dispôs à participar. Jovens que, como diz o Tema deste ano, estão: Em Busca de uma cultura de Paz.

Aspirantes: Juliana Figueira e Daniela Lourenço

lajinha-dnj-outubro (1) lajinha-dnj-outubro (3)

 

Compartilhe:

Adoração Eucarística

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

No dia 22 de outubro a comunidade Nossa Senhora de Fátima, em Lajinha MG, realizou a Adoração à Jesus Sacramentado, aproveitando para fazer o Retiro mensal. Contamos com a presença do grupo da UOV (União de oração pelas vocações). Foi um momento maravilhoso de encontro com o Senhor, de contemplar o teu amor na vida de cada uma. Encerramos o dia com o coração aberto ao ouvir e responder ao chamado de Deus.

Aspirantes: Juliana Figueira e Daniela Lourenço

lajinha-adoracao-outubro (1) lajinha-adoracao-outubro (2)

Compartilhe:

Governo Provincial

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

Podemos dizer que o mês de outubro foi recheado de eventos assumidos pelo Governo Provincial através de seus Setores e outros.

 No dia 04 de outubro, iniciou-se com a reunião da equipe pré-capitular formada pelas Irmãs M. Gislene, M. Arcilene, M. Eliane, M. Simoni e Maria Neves para dar andamento aos trabalhos pós-capitular e esta mesma equipe que também compõe o Setor do Centro de Estudos trabalhou na programação das atividades para o novo triênio, tendo como base a avaliação do Plano Provincial do triênio passado e o Plano Provincial para o triênio 2018-2021. Ir. Luzia que faz parte do Setor não pode se fazer presente.
 Estiveram também reunidas bem no início do mês a Equipe do Conselho Provincial para o encontro mensal e andamentos que dizem respeito à vida da Província e preparação da apresentação na II Consulta em Roma.
 Madre Maria Marques realizou uma visita fraterna à Comunidade de Maetinga, BA, reforçando os laços fraternos e a convivência entre ambas.
 Como veremos nos diversos depoimentos dados por educadores das diversas escolas, o Setor da Educação realizou o III Simpósio de Educação FDZ, no Sítio Santo Antônio, em Levy Gasparian. Este simpósio teve a participação dos educadores do Ensino Fundamental II e Ensino Médio e representantes das Escolas que não atuam com esses seguimentos. O evento contou ainda com a presença e participação do Padre Lédio Milanez, rcj.
 Outro importante evento aconteceu no Maranhão com a participação das Irmãs: M. Bernadete, Cecília Maria e M. Edna que participaram pelo Setor Rogate, da missão Vocacional, juntamente com os coirmãos rogacionistas. A missão se deu entre os dias 12 e 19 de outubro e faz parte do Plano de Ação dos Rogacionistas em parceria com o IPV. Que o Senhor da messe fortaleça na fé o povo maranhense e suscite dentre eles muitas e santas vocações.
 E, por fim, nossas coirmãs, Madre Maria Marques, Ir. M. Simoni, Ir. M. Eliete e Ir. M. Gislene foram para Roma, a fim de participar da II Consulta Geral.

Louvamos ao Senhor, a graça destes e de tantos outros acontecimentos vividos sob a Sua proteção e ação. Que o Senhor transforme o nosso pouco em muitas graças e bênçãos.

governo-roma-outubro (3)

 

Compartilhe:

II Consulta Geral

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

Foi realizada em Roma, no período de 22 a 30 de outubro de 2018, a II Consulta Geral, tendo como tema: “Filhas do Divino Zelo, tecelãs da esperança na Messe de hoje”. O terma nos apontou para o seguimento radical a Jesus Cristo nosso Mestre, caminho, verdade e vida e para aquilo que devemos ser: mulheres consagradas, destemidas, simples e humildes, a exemplo nosso Fundador Santo Aníbal Maria Di Francia, que dedicou toda a sua vida na entrega total aos pobres e ao Mandamento do Rogate.

Para esse encontro, Madre M. Teolinda Salemi, Superiora Geral, convocou as Provinciais, Conselheiras, Secretárias e Delegadas das Circunscrições e Zonas, com a finalidade de verificar a caminhada do Instituto como um todo, a aplicação da proposta do Redesenho, como também planejar o próximo triênio, tendo como base o Projeto do Instituto. Foi um tempo rico de formação permanente, partilha, diálogo, revisão de vida, missão e serviços na atual Avignone.
Estando para finalizar o encontro, fomos surpreendidas pela morte súbita da Madre M. Dolores A. Acluba, Superiora da Província Nossa Senhora do Divino Zelo da Província OLDZ (Austrália, Filipinas, Indonésia e Vietnã). Irmã M. Dolores foi vítima de um infarto fulminante.
Queremos expressar o nosso reconhecimento e agradecimento ao Governo Geral pela oportunidade que nos ofereceu de participar deste maravilhoso encontro que muito nos enriqueceu!
Que o Senhor da Messe mantenha acesa em nós a chama do amor e ardor pelo seu Reino de Deus!

Madre Madre Maria Marques de Oliveira

governo-IIconsulta-outubro governo-IIconsulta-outubro

 

Compartilhe:

Entre os dias 11 e 14 de outubro, os professores do Ensino Fundamental II e Médio reuniram-se no Sítio Santo Antônio, em Levi Gasparian/RJ para uma atividade reflexiva sobre a Pedagogia Difranciana e para compartilhar experiências e vivências pedagógicas de cada unidade escolar.

Através do texto “O educador católico e a pedagogia de Santo Aníbal”, Padre Lédio Milanez, rcj, mediou uma conversa produtiva entre os participantes do evento. Foi possível perceber durante a apresentação dos professores, o carinho e a emoção quando se referiam à escola e a vida particular. Ficou claro que o exemplo das ações de Santo Aníbal é luz para a vida daqueles que trabalham nas instituições idealizadas por ele. Sábias foram as palavras do Padre Lédio sobre a maneira como os educadores devem agir, não “desistindo das crianças”. Cada ser que chega à escola traz consigo uma história, uma família, uma convivência e essas experiências, infelizmente, nem sempre são positivas. Cabe ao profissional (todos que atuam no ambiente) ter o zelo em olhar para o outro indivíduo, compreender que cada ser humano é um projeto de Deus e buscar a solução para a situação. Outro fato muito importante foi ressaltar as características que as pessoas da comunidade escolar devem apresentar, fazendo com que a proposta Pedagógica Difranciana seja um diferencial na vida dos educandos.
Os relatos relacionados ao texto foram abordados de maneira construtiva pelo grupo e pelo Padre Lédio. Os participantes sentiram-se a vontade para expor suas vivências, algumas tão peculiares que levaram a uma inevitável emoção.
A troca de experiências entre as escolas foi outro ponto muito positivo. Os professores apresentaram a realidade de cada instituição, um pouco do trabalho pedagógico desenvolvido visando compartilhar as ideias com os colegas e ampliar seus conhecimentos.
As escolas localizam-se em diferentes lugares, cada uma com sua realidade, porém, mais uma vez, ficou evidente que a linha norteadora, o fio condutor leva ao mesmo lugar: O fazer pedagógico Difranciano.
O relato da importância das escolas na vida dos ex-alunos é comum em todas as realidades, ou seja, o zelo, o carisma, o olhar para cada criança e saber que ele é único, faz com que o ser humano se desenvolva de maneira integral e voltada aos princípios cristãos.
Todos que participaram desse encontro tiveram a oportunidade de crescer pessoal e profissionalmente, fazendo uma reflexão sobre a vida e a profissão.
Acredito que essa experiência de encontros menores foi muito positiva, as pessoas conseguem ter uma aproximação maior, para assim, juntos conseguirmos colocar em prática os ideais da REDIZE.
Destaco também os momentos de espiritualidade que oportunizou sentirmos ainda mais a presença de Deus realizando as orações naquele lugar lindo em meio à natureza. Durante a missa, ouvindo a estrofe do canto “Por isso ame mais, abrace mais, pois não sabemos quanto tempo temos pra respirar, fale mais, ouça mais, vale a pena lembrar que a vida é curta demais”, senti a importância de estar vivenciando e compartilhando os ensinamentos de Santo Aníbal em minha vida e continuar pedindo ao Senhor da messe que envie mais operários. Continuo fielmente acreditando que a educação alicerçada em valores cristãos é o caminho para melhorar a vida das pessoas.
Com carinho

Aline A. da Silva Freitas
Coord. Pedagógica

ccr-III-simposio-outubro (1) ccr-III-simposio-outubro (2) ccr-III-simposio-outubro (3) ccr-III-simposio-outubro (4)

Compartilhe:

Projeto Horta

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

O projeto Horta desenvolvido dentro da disciplina de Ciências é uma tradição no 1° ano do Ensino Fundamental 1 do Colégio Cristo Rei. As professoras Tatiana Dal Ponte e Cátia Lictenfels abordaram o tema Ervas Medicinais (chás) para ensinar a importância dessas plantas na saúde das pessoas. “Também desenvolvemos a oralidade e criatividade de cada estudante na explicação sobre cada erva medicinal. Sem contar na importância da presença dos pais para presenciar seus filhos desenvolvendo o trabalho”, destacaram as pedagogas.

Cada criança sorteou uma erva medicinal para pesquisa. O chá da tarde aconteceu na terça-feira, 6, quando os responsáveis estiveram na escola para prestigiarem seus pequenos.

Para a diretora Irmã Maria de Fátima Santana este tipo de atividade torna o aprendizado muito mais eficaz e promove a integração entre família e escola. “Sempre iremos reforçar e valorizar aquilo que para nós é um diferencial, aproximar a família das atividades de nossos estudantes. Isso é um valor que prezamos e que torna a escola muito mais interessante”, completou.
O Projeto Horta está em atividade há mais de 15 anos no Colégio Cristo Rei, e a cada ano trabalha nos alunos a consciência de valores essenciais como: cultivo de plantas, cuidados com o meio ambiente, alimentação saudável, entre outros.

ccr

ccr-ervas-outubro (1) ccr-ervas-outubro (2) ccr-ervas-outubro (3) ccr-ervas-outubro (4) ccr-ervas-outubro (5) ccr-ervas-outubro (6)

 

Compartilhe:

O poder restaurador do Educador FDZ

novembro 30th, 2018 | Posted by FDZ in Sem categoria - (0 Comments)

Entre os dias 11 e 14 de outubro de 2018, aconteceu no Sítio Santo Antônio, em Levy Gasparian, o III Simpósio dos Educadores FDZ.
No dia 12, após a acolhida ocorrida na noite anterior, fomos contemplados com a presença do Padre Lédio, incumbido de orientar as atividades planejadas para este dia. As palavras do Padre Lédio nos levou a uma reflexão sobre o a papel do educador, em especial, do educador FDZ, como aquele que através do Zelo Difranciano deve ter como principal objetivo dar continuidade à obra Deus, o Ser Humano. Através da troca de experiência e as sábias palavras do nosso orientador (Pe. Lédio), pudemos compreender a relevante missão do educador FDZ como “restaurador” – aquele capaz de, através da missão de educador do Divino Zelo, resgatar o educando, orientando e conduzindo o mesmo para o caminho do Bem.
Assim percebemos a importância da função transformadora que nós, educadores FDZ, exercem sobre seus educandos, podendo conduzi-los a um caminho de formação voltado para os bons princípios, de conquista pessoal e sucesso profissional, mesmo que a realidade social e familiar desse educando não contribua para tal transformação.
Nosso dia foi coroado com uma celebração no jardim, ao ar livre. Ao término da celebração, a imagem de Cristo Crucificado caiu e se partiu, porém após uma simples e delicada reconstrução, a imagem estava restaurada para a celebração do próximo dia. Mais uma vez, a sabedoria do celebrante, nosso querido padre Lédio, nos fez lembrar da imagem de Cristo partida após a queda, e através de uma breve reflexão, comparou a imagem restaurada aos nossos educandos, e mais uma vez reforçou nossa importante missão como restauradores de vidas.

Prof.: Marcelo Cavalheiro de Paiva
ansa-III-simposio-outubro (5) ansa-III-simposio-outubro (7) ccr-III-simposio-outubro (6)

 

 

Compartilhe: